janeiro 27, 2011

Simplex ou Complicadex ?...

O Cartão de eleitor e o Magalhães…


Muito se podia dissertar sobre a relação entre o computador Magalhães e o moderníssimo, inovador, bombástico e tecnicamente ultra eficaz… cartão de eleitor.
Apesar de grande esforço, a 1ª questão que me vem á memória, porque é sempre assim, é a seguinte: que amigalhaço do sistema, se calhar amigo do PS ou do PSD/CDS , terá feito fortuna á conta de mais esta aldrabice, porque de aldrabice se trata???
Um reparo, vamos admitir que o Magalhães é mesmo um most e o cartão de eleitor até dá para levantar dinheiro sem o ter lá…a ser assim, porque não dispunha cada mesa de voto um leitor de cartões do cidadão e um Magalhães de suporte ao acto eleitoral???
Se é verdade que o leitor de cartões não valeria de muito porque os chips deixam muito a desejar e o número de eleitor não conta lá, o Magalhães sempre podia dar uma ajuda…caso o portal da CNE suportasse tamanha aldrabice.
Resumindo , se é verdade que um acto eleitoral é o ponto alto das democracias, porque fico com a terrível sensação de que até aqui estou a ser enganado???

Depois…o eleitor é que é um ingrato porque cada vez mais está cagando para participar num acto que se queria sublime.

janeiro 23, 2011

Resultados das Presidenciais 2011

É sem espanto que recebo os resultados das Presidenciais 2011, com o senão de Francisco Lopes não ter alcançado os 2 dígitos e com grande tristeza sinto o definhar da esquerda.

Duas questões se colocam:

- O que vai Fernando Nobre fazer com esta carrada de votos .
- O que vão fazer o PS e o BE com esta vergonhosa derrota.

Presidenciais 2011


Ontem dia de reflexão, ainda comecei a escrever um texto sobre o tema mas depressa comecei a bocejar.
Um Alentejano a bocejar é o mesmo que dizer que nos dias que corre está cheio de saudades dos primeiros actos eleitorais, onde se usava a boina nova a camisa menos roçada e até o almoço quando não era fora, seria melhorado porque votar era um dia de festa.
Hoje o que fiz de diferente foi engraxar as botas apenas porque estavam um bocado p´ro sujas.
Tenho saudades ainda das grandes noitadas deitados no sofá á espera dos resultados que contados á unha o escrutínio entrava pela madrugada dentro.
Hoje, enquanto janto, entra-me de imediato Cavaco de sorriso cínico como vencedor de mais esta peleja. Nunca faltei a um acto eleitoral, cheguei a fazer 600 km para o fazer. Rebobinando as minha memorias perdi sempre com a excepção de quando votava na Amadora e ver esta cidade ser um covil laranja…por isso continuo a perder.
Mas como já disse por ai, mesmo que continue a perder…. votei em consciência sem sapos, chantagens e porque entre Alegre e Cavaco só se mudam as moscas!

Na hipótese muito remota de uma 2ª volta, também em consciência já decidi o que vou fazer…sapos NUNCA mais.

Só um reparo: porque nestas coisas deve haver responsáveis nas derrotas, na hipótese de uma humilhante (qualquer numero abaixo dos 30%) derrota do dito candidato de esquerda… (que é o mais certo) qual será o papel nomeadamente do BE a partir de amanhã??? Deixem-me adivinhar assobiar para o lado porque a culpa é do PS…e em ultimo caso de quem não votou Alegre, eu não votei e não votarei.

Um bom resultado eleitoral??? Que Francisco Lopes ultrapassasse a barreira dos dois dígitos, saíndo assim do espaço do eleitorado comunista

janeiro 17, 2011

Aumento dos Combustiveis...

Quando dos grandes aumentos em 2008, o motivo para aumentar era a guerra do Iraque como se os culpados fossem os consumidores. E AGORA qual é a desculpa???

Ou muito me engano ou um destes dias aparece um sarrabulho dos grandes algures no mundo dito civilizado.

Ninguém consegue aguentar a carestia de vida apesar de muito poupar. Aliás, as Nações enriquecem a consumir e não a poupar.

Gasolina a quase 300 paus, começa a ficar só ao alcance de alguns, poucos. Aliás, rasgar o pais com auto estradas e depois não se conseguir andar nelas porque a gasolina está cara e o preço dos carros é proibitivos...

janeiro 16, 2011

Alentejo

Lindo, lindo, simplesmente lindo é povo, Alentejo.

janeiro 10, 2011